BAR E PIZZARIA DO IVAN
CONECT LAN HOUSE
LAVA JATO AUTO NIVEL
CORONA
2 IRMÃOS VARIEDADE
ANJO FARMA
SANTO EXPEDITO
GAS DO PAULO
POUSADA
SUL DO PIAUI

Piauí: Jovem que passou 10 dias na Europa é monitorada em Floriano

O médico Justino Moreira, também falou sobre o caso da jovem e relatou que todo o material dela será coletado

27/02/2020 11h22Atualizado há 4 semanas
Por: Redacao
Fonte: meio norte
Médico Justino Moreira | Reprodução
Médico Justino Moreira | Reprodução

O Piauí apresentou o primeiro caso suspeito de Coronavírus, na cidade de Floriano. Uma jovem de 22 anos que passou dez dias em vários países da Europa, incluindo a Itália, apresentou um quadro de resfriado durante o final de semana e passará por exames no município. 

Segundo o jornalista Gilberto Júnior, que entrou ao vivo no programa Diálogo Franco, apresentado por Silas Freire e Matheus Oliveira, o quadro ainda não é motivo para alarde. “Foram feitos alguns exames iniciais, nada de grave por enquanto, o Dr. Justino inclusive orientou que ela fosse para casa, ficasse em observação, o seu caso foi informado as autoridades de saúde do Estado do Piauí, tendo em vista por conta desse caso que já foi confirmado de uma pessoa que veio da Itália, passou a se ter uma atenção muito grande, tanto que funcionários do Hospital Tibério Nunes ficaram muito preocupados ontem com esse possível caso dessa pessoa estar com sintomas dessa doença”, declarou. 

O médico Justino Moreira, também falou sobre o caso da jovem e relatou que todo o material dela será coletado. “Toda síndrome gripal que tenha passado por uma região que tenha casos confirmados como a Itália assusta. E esse caso foi assim já que a jovem de 22 anos passou em dez países da Europa, inclusive a Itália. Ela chegou há 20 dias e abriu um quadro de infecção respiratória, um resfriado no final de semana. Os casos suspeitos pelo protocolo são 14 dias, passando por uma área suspeita tem que fazer protocolo. Ela está bem em cima do limite, já que tem 20 dias que ela chegou, porém ela iniciou o quadro no final de semana está em torno de 4, 5 dias. De modo que a gente comunicou as autoridades do Estado para estar coletando material dela e diluirmos as dúvidas”, disse.

O diretor clínico do Hospital Regional Tibério Nunes também acrescentou que a jovem está em casa. “A gente vai testar o vírus comum que é o mais fácil, se realmente confirmar que é ele, que é bem comum nesse período de Carnaval a gente descarta a possibilidade, mas ela não está no hospital, ela está em casa porque ela não tem notificação de internação, não tem as complicações de uma síndrome respiratória grave, a gente fez raio-x não teve nada. De modo pedimos que ela volte para casa e depois a gente vai recebê-la para coletar os exames, mas realmente houve esse alarde porque ela passou por regiões que teve casos confirmados e mortes, como a Itália”, afirmou. 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários